Na Holanda, Barão participa de encontro contra o golpe

Ligado .

Brasileiros que vivem na Europa e lutam contra o golpe de Estado iniciado em 2016 estarão reunidos entre os dias 27 e 29 de janeiro na cidade de Amsterdã, nos Países-Baixos, no I Encontro Internacional Contra o Golpe e Pela Democracia. Serão cerca de noventa participantes, membros de coletivos pela Democracia de vários países, além dos palestrantes convidados: o sociólogo Emir Sader, a filósofa e escritora Márcia Tiburi (por video-conferencia), o jornalista Breno Altman e o dr. Cristiano Zanin, advogado do ex-presidente Lula.

O Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé será representado pelo jornalista Antonio Barbosa Filho, coordenador do núcleo regional do Barão no Vale do Paraíba paulista, que reside na Holanda boa parte do ano.

O caso de racismo contra Ludmilla e a mídia reacionária

Ligado .

Por João Filho, no The Intercept Brasil

Há uma ideia corrente as redes sociais de direita que defende a existência de uma hegemonia do pensamento de esquerda na mídia internacional. Este delírio antes se restringia às sombras da extrema direita, mas, ultimamente, vem se tornando popular e ganhando força nas redes sociais.

Mídias alternativas farão cobertura contra Reforma da Previdência

Ligado .

Nesta segunda-feira (23), a partir das 19h30, a sede dos Jornalistas Livres em São Paulo recebe veículos, coletivos e ativistas que atuam na luta pela democratização da comunicação para articular uma cobertura colaborativa sobre a Reforma da Previdência pretendida pelo governo golpista de Michel Temer.

A proposta, que conta com a participação do Barão de Itararé, é fazer um contraponto à mídia monopolista, a fim de romper o discurso do pensamento único, esclarecer a discussão sobre o polêmico tema e fortalecer a mobilização contra a pauta.

Classe média foi enganada pela mídia que fez o 'trabalho sujo' do golpe, diz Jessé Souza

Ligado .

Do Jornal GGN

O sociólogo e pesquisador Jessé Souza rebateu em sua página no Facebook um artigo publicado por Celso Rocha de Barros na Folha de S. Paulo nesta semana, questionando a teoria de que a classe média, na verdade, usou a Lava Jato de pretexto para apoiar o golpe quando, na verdade, o motivo velado que a levou às ruas das principais capitais do País foi o ódio contra classes mais desfavorecidas, alimentado paulatina e discretamente pela grande mídia.

Cineclube Vladimir Herzog exibe documentário sobre Guantánamo

Ligado .

O Cineclube Vladimir Herzog exibe nessa terça-feira (dia 31 de janeiro), às 19h30, o documentário “Todo Guantánamo é nosso” (Todo Guantánamo es nuestro, 2016), do cineasta colombiano Hernando Calvo Ospina.