FNDC lança campanha para fortalecer a luta pela democratização da comunicação

Ligado .

Por meio da campanha “Fortaleça a Luta pela Democratização da Comunicação”, o FNDC convoca as entidades da sociedade civil a apoiarem a luta por diversidade e pluralidade na mídia. A campanha, lançada nesta terça-feira (14/3), estimula a adesão de novas entidades e a regularização financeira das entidades já filiadas. A filiação pode ser feita diretamente pela internet, sem burocracia, através do Sistema de Filiação online. Aprimorado, o sistema também passa a permitir doações avulsas, inclusive de pessoas físicas.

Criado em 2016 para facilitar a aproximação com entidades nacionais e regionais, o Sistema de Filiados do FNDC recebeu adesão recorde ao longo do último ano, com mais de 500 filiações. Agora, novas entidades podem se somar nessa luta e aquelas que já fazem parte do Fórum também poderão regularizar suas contribuições e participar das instâncias deliberativas da entidade, como a Plenária Nacional, que em este ano será realizada durante o 3º Encontro Nacional pelo Direito à Comunicação (ENDC), em Brasília (DF).

Com Paulo Henrique Amorim, 1º Encontro de Blogueir@s de Campinas ocorre no dia 25/3

Ligado .

Da Carta Campinas

Já estão abertas as inscrições para o 1° Encontro de Blogueir@s e Ativistas Digitais de Campinas e Região que acontece no próximo dia 25.

O evento, histórico e inédito na cidade de Campinas, contará com a participação, no período da manhã, dos jornalistas Paulo Henrique Amorim (Conversa Afiada), Aparecido Araújo Lima (Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé), Glauco Cortez (Carta Campinas) e Paulo San Martin (ADunicamp).

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site da ADunicamp. As vagas são limitadas.

Além de jornalistas, o evento terá, no período da tarde, a participação de blogueiros e ativistas digitais de diversos sites e coletivos das áreas de comunicação e vídeo de Campinas e região. O 1° Encontro é organizado pela ADunicamp (Associação de Docentes da Unicamp), em parceria com o Centro de Estudos de Mídia Alternativa Barão de Itararé e o site Carta Campinas, e acontece a partir das 9h, no auditório da ADunicamp.

Na ocasião, Paulo Henrique Amorim, blogueiro e apresentador da TV Record, lançará dois livros. Um deles é O Quarto Poder – Uma outra história. Nele, o jornalista aborda a história pouco conhecida dos meios de comunicação no Brasil, desde o período Vargas, passando pela criação e apogeu dos grandes monopólios, durante a ditadura militar, até a redemocratização e o período atual. O livro também mostra os bastidores de grandes momentos da nossa política, através de encontros reveladores com os principais nomes da mídia e do poder.

O livro mais recente de Paulo Henrique Amorim é o Manual Inútil da Televisão e Outros Bichos Curiosos. O livro reúne diversas histórias que construiu durante sua carreira como repórter televisivo junto a todo o tipo de figuras midiáticas. São episódios junto a personagens como Tom Jobim, Lula, Pelé, Madonna, Roberto Marinho, Marilyn Monroe, Princesa Diana, Fidel Castro, Cid Moreira, entre outros.

Veja a programação:

MANHÃ
9h – Recepção e inscrições.
10h – Mesa-redonda e debates com os jornalistas Paulo Henrique Amorim, Aparecido Araújo Lima e Glauco Cortez.
11h30 – Manhã de autógrafos do livro “O Quarto Poder”, de Paulo Henrique Amorim.
12,30h – Almoço.

TARDE
14h – Encontro com blogueiros e ativistas digitais, com relatos e debates sobre atuações e ações em Campinas e região. Presenças já confirmadas: Coletivo de Jornalistas de Campinas e Região, Comunicadores Populares, Mídia Livre VaiJão, Socializando Saberes, Usina Geradora, NINA, Movimento Advogados Independentes de Campinas, S/A- Sala Aberta; além dos sites: Blog da Mi; Bola com Gravata e Milênio Notícias.

16h – Apresentação de ferramenta de integração de conteúdos, desenvolvida por professores do IC (Instituto de Computação) da Unicamp em parceria com a ADunicamp, para apoio a sites e blogs de jornalismo independente.

INSCREVA-SE AQUI (Vagas limitadas). Evento no Facebook

Movimentos chamam para 15/3 e criticam apoio da mídia à reforma da Previdência: 'questão de classe'

Ligado .

Foto: Felipe Bianchi/Barão de ItararéFoto: Felipe Bianchi/Barão de ItararéPor Felipe Bianchi

Representantes da Frente Brasil Popular e da Povo Sem Medo concederam coletiva nesta terça-feira (14), em São Paulo. Em pauta, a preparação das mobilizações nacionais contra Temer e a reforma da Previdência. Marcado para o dia 15 de março, o ato deve ocorrer simultaneamente em todas as capitais do país, além de diversas cidades de médio e pequeno porte.  A pauta é clara: se você não lutar, sua aposentadoria vai acabar!

O papel jogado pelos donos da mídia no país foi bastante criticado durante a entrevista. Edson Carneiro, o Índio, da Intersindical e Povo Sem Medo, foi tachativo: a imprensa monopolista impulsiona a agenda do desmonte do Estado. "Eles sustentam a falácia do rombo na Previdência e pregam o 'austericídio'", diz.

Mídia e Estado de exceção são temas de debate em SP

Ligado .

A mídia e o Estado de exceção no Brasil são temas de debate na sexta-feira (17), em São Paulo. Com entrada franca, a atividade tem início às 19h e ocorre na sede do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé (Rua Rego Freitas, 454, conjunto 83 - próximo ao metrô República). Confira os participantes:

- Wadih Damous, ex-presidente da Ordem dos Advogados Brasileiras no Rio de Janeiro (OAB-RJ);

- Valeska Zanin, advogado do ex-presidente Lula;

- Altamiro Borges, jornalista, blogueiro e presidente do Barão de Itararé

Após o debate, haverá o lançamento do livro O Caso Lula, organizado por Cristiano Zanin. O bate-papo terá transmissão ao vivo da Rede TVT, com reprodução em tempo real na página do Barão de Itararé.

 

PF intima blogueiro Eduardo Guimarães por 'ameaçar Moro'

Ligado .

Por Blog da Cidadania

No fim de fevereiro, cerca de uma semana antes do Carnaval, o blogueiro paulistano Eduardo Guimarães recebeu uma intimação da Polícia Federal em sua residência para que compareça perante um delegado para “prestar esclarecimentos no interesse da Justiça”.

Advogado do intimado buscou informações na Polícia Federal e descobriu que ele está sendo acusado de “ameaçar” o juiz Sergio Moro.