20 de julho de 2024

Search
Close this search box.

Abraço retoma campanha por alteração do decreto que regulamenta radiodifusão comunitária no país

A Associação Brasileira de Rádios Comunitárias (Abraço Brasil) junto das Abraços Estaduais, lançou esta semana, data alusiva à Proclamação da República, mais uma campanha em defesa das rádios comunitárias.O mote segue sendo a alteração do Decreto 2615/1998, que regulamenta o serviço de radiodifusão comunitária no país.

Abraço Brasil 

Segundo o presidente da entidade, Geremias dos Santos, o objetivo é chamar a atenção do governo federal em relação à importância das rádios comunitárias no cenário da comunicação brasileira. “Nós já realizamos este mesmo chamado na semana da Pátria e agora retomamos. As nossas emissoras precisam de condições mínimas para avançar, para ajudar no processo de democratização. Este foi um compromisso do presidente Lula e nós vamos cobrar”, reiterou.

O spot, que está rodando na programação das rádios comunitárias de todo o Brasil, ainda destaca que tratam-se de veículos cuja prerrogativa é a horizontalidade e a pluralidade. “Nós damos voz a quem a mídia hegemônica enxerga como objeto ou sequer vê. Estamos nos lugares mais ermos e longínquos. Aproximamos as comunidades. É por tudo isso que necessitamos melhorar nossas condições e a mudança na legislação é que vai nos garantir neste aspecto”.

Santos aguarda ainda uma agenda com o Ministério das Comunicações, bem como com a Secretaria de Comunicação Social do Governo – Secom. “Não vamos desistir. As nossas rádios estão unidas e mobilizadas para que, depois de duas décadas, tenham um pouco da sua relevância reconhecida”, finalizou.