22 de julho de 2024

Search
Close this search box.

Fórum de comunicadores latino-americanos se pronuncia em defesa da Unasul

Em relação à medida anunciada por Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Peru de suspender suas participações em atividades convocadas pela Unasul enquanto não se eleja um novo Secretário Geral e se normalizem alguns aspectos administrativos, o Fórum de Comunicação para a Integração de Nossa América (FCINA) se manifesta instando esses países a reconsiderarem a medida. O FCINA é uma articulação que agrupa redes, meios de comunicação e movimentos sociais comprometidos com a integração dos povos da América Latina e do Caribe. Confira o comunicado:

Pela reconstrução de uma região unida, soberana e solidária, defendamos a Unasul!

O Fórum de Comunicação para a Integração de Nossa América (FCINA) lamenta profundamente a postura dos países que anunciaram a suspensão de suas atividades na Unasul.

Os termos do comunicado publicado são coercitivos, próprios de um “ultimato”, atitude que de modo algum coincide com o espírito de consenso que prevaleceu na Unasul desde sua fundação.

Esta decisão não facilita o renova impulso ao organismo anunciado pela nova presidência pro témpore da Bolívia, mediante um diálogo que pretende aproximar posturar diversas.

As nações da América do Sul conseguiram consolidar, no transcurso dos últimos 11 anos, um organismo de ação coletiva eficas, que não somente funciona em um nível declaratório, mas que também executa, através de seus Conselhos e sua estrutura permanente, múltiplas ações úteis ao bem-estar humano nas áreas de infraestrutura, conectividade, saúde, democracia e defesa coletiva, entre outras.

Também é destacável a premissa da Cidadania Sul-Americana, aprovada em 2016, que a atual presidência pró tempore indica como uma das prioridades em sua gestão.

A Unasul foi e é a garantia de paz para a América do Sul. A Unasl foi e é resguardo da vontade soberana de seus povos. A Unasul foi e é a possibilidade de unir potencialidades para construir um destino comum mais justo.

A necessidade de que uma personalidade à altura do cargo ocupe a Secretaria Geral deveria ser fonte de esforços renovados para alcançar um acordo aceitável para todas as nações membros, não para ser a justificativa de uma paralisação ou suspensão das atividades.

Exortamos aos governos de Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Paraguai e Peru a reconsiderar esta posição que não condiz com os princípios de diálogo e unidade na diversidade consignados nos estatutos que regem a Unasul.

Nosso Fórum faz um chamado às organizações populares, aos movimentos sociais, aos cidadãos amantes da Pátria Grande a manifestarem-se com firmeza diante deste passo atrás na construção de uma região unida, soberana e solidária.

Fórum de Comunicação para a Integração de Nossa América

www.integracion-lac.info

Twitter: @integracionlac

Página do Facebook: Comunicación para la Integración