13 de julho de 2024

Search
Close this search box.

Canal do Barão promove debate nesta quinta (15) sobre Covid-19, CPI e o direito à informação

Desde o começo da pandemia, além dos desafios para sobreviver ao vírus que se espalha velozmente pelo mundo, temos precisado enfrentar o negacionismo e a irresponsabilidade do governo de Jair Bolsonaro. O presidente não adotou as medidas sanitárias e políticas para reduzir os impactos da crise. Bolsonaro também não orientou a sociedade, mas divulgou tratamentos comprovadamente ineficazes e tentou lucrar com a morte, como já ficou bastante explícito nos trabalhos desenvolvidos pela CPI da Covid-19. Suas atitudes impediram a circulação correta de informações sobre a doença. E a ausência de informação, ou pior, a proliferação da desinformação, neste caso, leva à morte.

O Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé convidou os seguintes debatedores para falar sobre Covid-19, CPI e o direito à informação nesta quinta-feira (15), a partir das 19h30:

  • Dalmare Anderson Sá, Diretor de Assistência Farmacêutica e Apoio Diagnóstico de Olinda e Santa Cruz do Capibaribe – PE, Doutorando em Saúde Pública da Fiocruz PE – Instituto Aggeu Magalhães;
  • Ana Girlene Oliveira, jornalista amapaense, apresentadora do programa de rádio Café com Notícia há mais de 10 anos, policial civil e assessora do Ministério Público do Amapá;
  • Andrey Lemos, coordenador do Barão de Itararé, mestre em políticas públicas especialista em ensino de história tecnologista em gestão de políticas públicas em saúde e presidente nacional da UNALGBT

O bate-papo vai ao ar no #CanalDoBarão. Assista, participe ao vivo e inscreva-se gratuitamente: