25 de julho de 2024

Search
Close this search box.

Com chance de triunfo inédito da esquerda, ComunicaSul cobrirá eleições na Colômbia em maio

Diante da necessidade de termos notícias direto da fonte, sem o filtro de mentira e manipulação da grande mídia, a rede ComunicaSul de Comunicação Colaborativa vai cobrir as próximas eleições presidenciais da Colômbia.

Com o compromisso de disponibilizar gratuitamente as informações sobre a luta contra o terrorismo de Estado do governo de Iván Duque e a construção de um país independente, o coletivo está captando recursos para viabilizar a ida de uma equipe de jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas para o país vizinho no mês de maio. Como o cronômetro está ligado e as passagens internacionais não param de subir, a solidariedade se faz tão necessária quanto urgente.

Para ajudar o ComunicaSul nesta missão tão importante, faça uma doação de qualquer valor via PIX para o CNPJ (em nome de Papiro): CNPJ 10.511.324/0001-48

Qualquer quantia é de grande valia, pois além das viagens de ida e volta de São Paulo até Bogotá, há também custos de locomoção, hospedagem, alimentação e Internet por parte da equipe!

Desde a estreia da ComunicaSul na histórica eleição de Hugo Chávez, na Venezuela, em 2012, o coletivo realizou a cobertura da implantação da Lei de Meios de Comunicação na Argentina (2012); eleições equatorianas e venezuelanas (2013); processo eleitoral na Bolívia (2014); golpe de Estado contra o presidente boliviano Evo Morales (2019); impactos da previdência privada no Chile (2019); recuperação da democracia boliviana (2019); eleições presidenciais na Argentina (2019) e na Bolívia (2020); e eleições gerais no Chile (2021).

Além destas, também acompanhou processos de mobilização popular no Paraguai, Guatemala e Honduras, sempre focando no protagonismo dos movimentos sociais.

Todos os conteúdos criados pelo coletivo são de livre reprodução, desde que citada a fonte e conferidos os devidos créditos.

Acompanhe nossa cobertura pelo comunicasul.org