24 de julho de 2024

Search
Close this search box.

ABI denuncia TV Brasil ao MPF

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) denunciou ao Ministério Público Federal (MPF) o uso da TV Brasil para divulgação pessoal de Jair Bolsonaro e de evento religioso. Na denúncia foi encaminhada a Manifestação 20210050138.

Em 9/6 a TV Brasil transmitiu, ao vivo, o Culto Interdenominacional das Igrejas de Anápolis, que teve a participação, entre outros, de Jair Bolsonaro, do ministro da Educação Mílton Ribeiro, e do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência Onyx Lorenzoni.

Portal dos Jornalistas

Segundo a ABI, a participação das três autoridades na transmissão de um culto “é um atentado à laicidade do País e à Constituição Federal, que em seu artigo 37 proíbe a promoção pessoal”.

A Associação pediu ao MPF que investige o evento e adote as providências para impedir a ocorrência de fatos semelhantes.

Nesse mesmo evento, segundo a Agência Lupa, Bolsonaro mentiu sobre fraude em eleições e óbitos pela Covid-19.